IELTS: como funciona e como se preparar para esse exame estratégico

Lisandra Matias – Jornalista

Prova é obrigatória para quem quer ingressar em uma universidade do Reino Unido; candidatos são avaliados em quatro aspectos — listening, reading, writing e speaking

Para quem deseja fazer uma graduação ou pós-graduação no Reino Unido, uma das principais providências a tomar é se preparar para fazer o IELTS — International English Language Testing System. Esse exame de proficiência (IELTS Academic) é obrigatório para quem vai cursar o ensino superior no país, independentemente do nível de inglês e certificações que já tenha. Cada universidade determina a pontuação mínima exigida para ingresso, que varia de acordo com o curso pretendido.

Sonia Teixeira, gestora do departamento de exames de inglês da OK Student, empresa de consultoria para estudantes brasileiros que querem ingressar em uma universidade no Reino Unido, explica que o IELTS é realizado em instituições específicas que oferecem a avaliação, como o British Council, e a prova dura mais ou menos três horas.

O exame é bem completo e avalia quatro habilidades relacionadas à língua inglesa: listening (compreensão oral), reading (leitura), writing (escrita) e speaking (conversação). O estudante obtém uma média geral e também uma pontuação específica em cada uma das quatro avaliações.

“O listening e o reading são compostos de 40 questões cada. No writing, o estudante deverá fazer duas composições, sendo um texto sobre um determinado tema e uma análise a partir de gráficos, diagramas ou tabelas. Já o speaking é dividido em três partes: perguntas pessoais; questão específica em que o candidato deve falar sobre um determinado assunto; e perguntas a partir do que foi exposto anteriormente”, diz.

Segundo Sonia, por ser um exame de grande importância, é fundamental que o estudante esteja bem preparado e não seja surpreendido com o tipo de exercício que é pedido. Ela sugere explorar livros e recursos audiovisuais em inglês e treinar questões no estilo do exame em sites e aplicativos. “Todos esses recursos vão ajudar na preparação e dar mais segurança para que o candidato tenha um bom desempenho na prova”.


Últimas publicações
Berço da música
Mestrado e doutorado no Reino Unido
Irlanda do Norte: uma excelente opção para sua graduação