Saiba mais sobre o “foundation year”, o ano preparatório para ingresso nas universidades britânicas

Lisandra Matias – Jornalista

Curso, que pode ser uma exigência da instituição ou escolha do aluno, é voltado para nivelar e adaptar os estudantes internacionais ao sistema educacional do Reino Unido

O foundation year é o “ano zero” dos cursos de graduação no Reino Unido. Consiste em um ano preparatório para nivelar os estudantes internacionais ao sistema educacional britânico e ajudá-los a desenvolver as habilidades e os conhecimentos necessários para ingressar no ensino superior. Eles também cumprem um papel importante na adaptação dos alunos estrangeiros à vida acadêmica e cultural do país.

Esses programas destinam-se aos estudantes que não atendem aos requisitos mínimos para serem admitidos diretamente no primeiro ano da graduação ou desejam se preparar melhor, tanto nas disciplinas básicas do curso quanto em relação ao nível de inglês. Costumam, ainda, ser oferecidos a quem está fora do sistema de ensino há muitos anos e quer voltar a estudar para obter um diploma universitário. Assim, podem ser uma exigência da universidade ou uma escolha voluntária do estudante.

O ano preparatório é oferecido pelas próprias universidades ou por colégios associados, geralmente localizados no campus universitário. Neste caso, os alunos são considerados estudantes com pleno direito à universidade e podem fazer uso de todas as instalações.

Há, basicamente, dois tipos de programa. Os mais genéricos dão acesso a diferentes cursos de uma determinada área e são compostos de duas ou três disciplinas principais e, em geral, o aluno pode escolher uma disciplina opcional. São indicados para quem ainda não se decidiu por um curso e precisa de mais conhecimentos para ajudar nessa definição. Já os mais específicos são direcionados a determinadas graduações. Normalmente, recebem a denominação de curso prolongado, pois integram o ano preparatório ao curso escolhido.

Ao fim do foundation year, se aprovado, o aluno pode ter progressão automática para o primeiro ano do curso universitário. Em alguns casos, no entanto, essa passagem não é garantida, e a admissão precisa ser solicitada.


Últimas publicações
Berço da música
Mestrado e doutorado no Reino Unido
Irlanda do Norte: uma excelente opção para sua graduação