Se você acha que o valor da Libra é um impeditivo para estudar no Reino Unido, vai se surpreender com o custo final dos investimentos em sua formação e saber que, sim, é possível

Todos os anos, Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte recebem cerca de 500 mil estudantes de 190 países atraídos pela cultura e diversidade de cursos que as universidades britânicas disponibilizam.

Estudar no Reino Unido tem muitas vantagens: acesso a mais de 130 melhores universidades do ranking e tempo menor para conclusão do curso, já que as graduações costumam ser de três anos e o mestrado de um ano. “Isso quer dizer que o aluno sai com graduação e pós no período de uma graduação no Brasil, o que permite uma economia significativa de tempo e dinheiro”, explica Valéria Mateus, diretora executiva da OK Student.

Com um investimento anual a partir de 18 mil libras, o estudante já pode se candidatar em uma das universidades do Reino Unido e também sua acomodação pelo período em que estiver estudando. Além disso, os estudantes internacionais têm permissão para trabalhar até 20 horas semanais e contam com acesso ao sistema de saúde público, o que garante ainda mais economia.

OK Student faz toda a assessoria necessária para que você possa encontrar o melhor curso, a melhor universidade e o melhor plano de estudos para você.

Clique aqui e fale com um dos nossos consultores agora mesmo.

Para encurtar a comunicação com estudantes brasileiros, a OK Student cria projeto online para divulgar oportunidades de estudo no Reino Unido.

Reunir estudantes do Norte ao Sul do país e transmitir informações relevantes sobre o passo a passo de como estudar no Reino Unido estão entre as principais razões para a OK Student criar o Projeto OK Talk To Students que, mensalmente, contará com palestras online destinadas para professores, pais e estudantes do ensino médio, com o intuito de abordar temas importantes sobre morar e estudar em universidades do Reino Unido.

Mitos e Verdades sobre estudar no UK: sistema de ensino, investimento e cultura. Esse é o tema da primeira palestra, que acontecerá no dia 3 de fevereiro, e será ministrada pela psicopedagoga, Tatiana Castro, e pela psicóloga, Mariana Calbucci, que trarão informações importantes sobre o sistema de educação britânico e aspectos culturais, esclarecendo as principais dúvidas e curiosidades dos estudantes brasileiros.

O encontro será realizado virtualmente às 17h. Para participar e ter acesso a todo o conteúdo, clique aqui e faça sua inscrição agora mesmo.

Aproveite esta oportunidade para começar a traçar os planos de sua graduação no Reino Unido e fique ainda mais próximo dos seus objetivos.